16/07/13

Um passeio no Amoreiras

Os passeios à hora de almoço dão-me pano para mangas. São uma daquelas situações em que gostava de ter um teclado ligado à minha frente para poder escrever logo o que vejo. Muita observação, das montras e das pessoas.
Hoje ao entrar no Amoreiras cruzei-me com um senhor muito parecido com o Walter, o amigo do Crocodile Dundee, lembram-se dele? Gostei imenso dos filmes. Este ainda estava um nível à frente no aprumo. Achei-lhe muita piada.

À saída, vim atrás de uma senhora com uns saltos incrivelmente altos, nuns sapatos com ar de drag queen e as unhas pintadas de azul elétrico. A subir uns degraus perdeu o calço do sapato e continuou a andar como se não fosse nada, toc, toc, toc nas pedras do passeio, mas só um dos sapatos é que fazia toc, o outro fazia o tuc normal. Lá lhe disse para voltar atrás e vim trabalhar.

2 comentários:

Sónia disse...

se calhar já conheces (e não te consigo surpreender), eu, a propósito de pessoas crescidas e com estilo e aprumo, gosto de passar os olhos por estas bandas:

http://advancedstyle.blogspot.pt/

Joana A disse...

Velhotes com pinta é do best! bjs